10/04/2019

Equipe de base do Red Bull Brasil viaja para os Estados Unidos para disputar a Dallas Cup

O clube paulista é o único time brasileiro que irá participar da competição

Além de disputar o campeonato paulista sub-20, que se inicia na próxima sexta-feira, os jovens do Red Bull Brasil viajam para os EUA para disputa do Dallas Cup, torneio que reúne grandes potências do futebol mundial de base, como Arsenal e Liverpool, da Inglaterra.

São 12 equipes divididas em três grupos. O grupo A conta com Liverpool, Tigres(MEX), Ikapa Sporting FC, da África do Sul e o New York(EUA). No grupo B, Arsenal, Monterrey(MEX), Toronto, do Canadá e Real Salt Lake(EUA) fazem parte. E no grupo C, além do Red Bull Brasil, Villarreal(ESP), Queretaro(MEX) e o clube da casa, FC Dallas, disputam e entre si partidas de jogo único.

Para o lateral do Toro Loko, Sérgio Daniel, o torneio é uma grande experiência e prometeu aproveitar cada oportunidade.

– A preparação para a competição foi muito boa, todos chegam focados para fazer um grande campeonato em Dallas. Aprendemos muito com esta competição internacional, vamos nos doar ao máximo para levar este título para casa, algo que seria inédito para o clube – disse o atleta.

O Red Bull disputa pela terceira vez o campeonato, e tem a chance em 2019 de se sagrar campeão pela primeira vez. O clube viaja nesta quinta-feira(11) para os Estados Unidos para iniciar a preparação para o jogo de estreia.
– O grupo é muito difícil, com grandes times. Villarreal conhecido por todos, Queretaro time “chato” mexicano, usam muito a força física, e o time da casa, Dallas que sempre chega forte, com o apoio da torcida – disse o lateral,

O Red Bull estreia na competição no próximo domingo(14), contra o Queretero, do México.

 


Outras Notícias


10/04/2019
Equipe de base do Red Bull Brasil viaja para os Estados Unidos para disputar a Dallas Cup

O clube paulista é o único time brasileiro que irá participar da competição

A...


02/04/2019
Sornoza iguala número de assistências dos últimos anos em apenas 3 meses.

O toque de Manoel, de cabeça, foi uma mera formali...